A gravidade atrai os corpos
Quinta-feira, 3 de Janeiro de 2008
Eco

Muitas vezes é melhor o silêncio.

Uma banal ausência presente.

Ou o contrário.

Jogo de palavras que se não dizem para não acordar dormências ou sonhos.

Passa-se sobre o ranger inquietante do soalho a ouvir fantasmas.

Acontece sempre tudo no silêncio.


Portas que batem, ferrolhos que correm, chuva cansada.

No silêncio ouve-se o impossível.

Há segredos a fugirem no murmúrio do ar.

Um brisa improvável e passos a descer a escada.

Respiração.

Um relógio.


É comum que se use o silêncio para confrontar o tempo.

Na música acorda o sentido da nota seguinte.

Na batalha antecipa a violência da morte.

No amor afina a atenção para o odor dos corpos.

No pensamento abre uma brecha para a divagação.


O silêncio é uma indisciplina.

Carrega o peso ingrato do desafio.

Muito mais do que o grito irado.

Muito mais do que o insulto ou a promessa.

Mais ainda que a ignorância militante.


De vez em quando é necessário um tempo de silêncio.

Uma pausa, um salto, uma falta, um soluço, uma distracção.

Do intervalo regular das rotinas sai um momento de inquietude.

Nas bermas do caminho o reflexo de passos.

No céu os riscos brancos.


No topo da montanha ouve-se, em certos dias, o poder do silêncio.

Rasga-se sobre a mente com uma violência insuportável.

Pesa mais que a tortura de um castigo injusto.

E mesmo assim é necessário um tempo de silêncio.


Como a tortura, como o medo, como a ingratidão.

Só mais tarde saberemos, no ajuste de contas, dos benefícios do silêncio.


Sísifo


tags:

publicado por prólogo às 22:56
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Março 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
25
26
27
28
29

30
31


posts recentes

Forma

Rasto

Eco

Conto

Adiamento

Vácuo

Longe

Surpresas

Ácido

Cansaço

arquivos

Março 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

tags

todas as tags

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds