A gravidade atrai os corpos
Segunda-feira, 2 de Maio de 2005
Dormente
Tinha prometido não voltar sem saber tudo de mim.
Sabia, ainda que com reservas, que, do lado de lá da procura, haveria de encontrar o local do regresso.
Sabia, ainda que vagamente, que, nas histórias, o que acontece é relativamente simples.
Sabia, ainda que desolado, que, ao fechar os olhos, já estou a ver outra superfície.

O que eu sabia antes era pouco, portanto.
E foi com esse pouco que sabia que ousei prometer.

No estilhaçar dos dias há sempre correntes de nuvens que anunciam luz para o dia seguinte.
Como se, para olhar com intensidade para as coisas mortas, fosse necessário o telescópio da tristeza.

Há muitos anos, Galileu, nas suas insónias, procurava em tudo o significado de qualquer coisa.
Mas ele ainda não sabia.
Estava apenas a viver um sonho que tinha que ter um fim qualquer, mesmo que fosse disfarçado de princípio.
Mas Galileu ainda não sabia que estava a olhar para um lugar sem saída...

De onde vem afinal essa vontade de ver outra coisa que não o que está à frente da íris?
De que lugar emana essa vontade absurda de ter vontades absurdas?
De que destino se pode agora prever mais do que a sua simples substituição por outro?
De que estrada acabará por sair o infame assassino de todas as ilusões?

Tinha prometido não voltar sem saber.

Agora, neste preciso instante em que percebo melhor que não sei, procuro apenas uma folha tranquila que, caída da árvore, já tenha adormecido a sua liberdade.
Como no tal sonho em que me desencontrei de Deus e fiquei para sempre a sobrevoar frases perdidas.

amm


publicado por prólogo às 22:52
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Março 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
25
26
27
28
29

30
31


posts recentes

Forma

Rasto

Eco

Conto

Adiamento

Vácuo

Longe

Surpresas

Ácido

Cansaço

arquivos

Março 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

tags

todas as tags

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds